Photobucket
"Sou um coração batendo no mundo"
Photobucket

Pombinha da Paz

"Por um mundo melhor"
Photobucket
"
Pombinha da Paz"
Se você quiser ajuda-la a dar volta ao mundo leve-a para seu blog também!
Você é oPhotobucket do Meu Cantinho no Japão...
Selinho de Participante....

Selinho de Participante...

♥ Corações ♥ do Meu Cantinho no Japão

domingo, 29 de janeiro de 2012

Muitas flores para você..." ♥Coração♥ do Meu Cantinho no Japão "


Parte integrante de uma mensagem linda que recebi da querida amiga Liz. via email....

www.comoascerejasdaminhajanela.blogspot.com

Eu te ofereço...

Primaveras ... para que atraia Amigos Verdadeiros...
Peônias ... para que tenhas muita Sorte durante o ano todo...
Lírios do vale ... para que não te falte Saúde...
Narcisos brancos ... para que haja muita Harmonia na família ...
Lilases brancos ... para que preserve a Fé e a Esperança...
Glicíneas ... para que seu lar seja preenchido de muita Alegria...
Rosas inglesas ... para que sua vida seja prenchida de muito Amor...
Todas estas flores lindas,  para que tenha muitos momentos de Felicidade...
Tulipas ... para que em todos os teus atos estejam sempre presentes a Sinceridade, o Caráter e a Honra...
Ranúnculos ... para que tenha muita Provisão e Prosperidade...
Magnólias ... para que em tudo que faças esteja sempre presente a Sabedoria...
Todas estas flores brancas que nascem na Primavera... para que tenhas, durante o ano todo,  muita muita muita Paz...
E como não poderia deixar de ser, te ofereço as flores de Cerejeiras como sinal da minha Amizade e Carinho por voce ...



Muitas flores para você!
Pela  paz que você semeia
Pelas verdades que você diz
Pela alegria que você transmite
Pela justiça que você defende
Pela beleza que só você tem
Pela doce simplicidade do seus gestos
Pelo seu abraço carinhoso
Pelo brilho do seu olhar
Pela sabedoria que guia os seus atos
Pelo amor que dedicas às pessoas, às plantas e aos animais
Pela sua constante busca da felicidade
E por conseguir encontrar nessa busca a felicidade
Por ser parte de uma familia tão especial
Pela sua sensibilidade
Por tudo o que você é,
Todas essas flores,
são para você!
E quem as enviou, ainda acha que são poucas,
porque você tem o dom de transformar
a vida dos que se aproximam de você…
No mais belo jardim florido!

(a.d)



domingo, 22 de janeiro de 2012

Vamos falar de Amor!

Gostar é tão fácil que ninguém aceita aprender…
Talvez seja tão simples, tolo e natural que você nunca tenha parado para pensar: aprenda a fazer bonito o seu amor. 
Ou fazer o seu amor ser ou ficar bonito.
Aprenda, apenas, a tão difícil arte de amar bonito. 
Amores que são verdadeiros, eternos e descomunais…
De repente, se percebeu ameaçados apenas e tão somente porque não sabem ser bonitos: cobram, exigem, rotinizam, descuidam, reclamam, deixam de compreender, necessitam mais do que oferecem, precisam mais do que atendem, enchem-se de razões. Sim, de razões.

Ter razão é o maior perigo no amor. 
Não querer ter razão é um perigo… Em geral, enfeia o amor, pois é invocado com justiça, mas na hora errada. 
Amar bonito é saber a hora de ter razão. 
Ponha a mão na consciência. 
Você tem certeza que está fazendo o seu amor bonito? 
De que está tirando do gesto, da ação, da reação, do olhar, da saudade, da alegria do encontro, da dor do desencontro, a maior beleza possível? 
Talvez não.

Não tema o romantismo. 
Derrube as cercas da opinião alheia. 
Faça coroas de margaridas e enfeite a cabeça de quem você ama. 
Adie sempre, se possível com beijos, aquela conversa importante que precisa ter, arquive, se possível, as reclamações pela pouca atenção recebida. 
Quem ama feio não sabe que pouca atenção pode ser toda atenção possível. 
Quem ama bonito não gasta o tempo dessa atenção cobrando a que deixou de ter. 
Não teorize sobre o amor, ame. 
Siga o destino dos sentimentos aqui e agora.

Não tenha medo exatamente de tudo o que você teme, como a sinceridade, não dar certo, depois vir a sofrer (sofrerá de qualquer jeito), abrir o coração, contar a verdade do tamanho do amor que sente. 
Jogue para o alto todas as jogadas, golpes, espertezas. 
Seja apenas você no auge de sua emoção e carência, exatamente aquele você que a vida impede de ser. 
Não tenha medo de dizer, eu quero, eu gosto, eu estou com vontade! 
Talvez aí você consiga fazer o seu amor bonito! 
Se o amor existe, seu conteúdo já é manifesto.

Cuide agora da forma. 
Cuide do cuidado. 
Cuide do carinho. 
Cuide de você.

Ame-se o suficiente para ser capaz de gostar do amor e, só assim, poder começar a tentar fazer o outro feliz.
( Mensagem do velho Sábio)



terça-feira, 10 de janeiro de 2012

As cinco bolas..


Imagine a vida como um jogo, no qual você faz malabarismo com cinco bolas que são lançadas no ar... Essas bolas são: o trabalho, a família, a saúde, os amigos e o espírito.

O trabalho é a única bola de borracha. Se cair, bate no chão e pula  para cima. Mas as quatro outras são de vidro. Se caírem no chão, quebrarão e ficarão permanentemente danificadas. Entendam isso e assim conseguirão o equilíbrio na vida.

Como?

Não diminua seu próprio valor, comparando-se com outras pessoas.
Somos todos diferentes: cada um de nós é um ser especial.
Não fixe seus objetivos com base no que os outros acham importante. Só você tem condições de escolher o que é melhor para si próprio.
Dê valor e respeite as coisas mais queridas de seu coração. Apegue-se a elas como à própria vida. Sem elas a vida carece de sentido.
Não deixe que a vida escorra entre os dedos por viver no passado ou no futuro.
Se viver um dia de cada vez, viverá todos os dias de sua vida.
Não desista enquanto ainda é capaz de um esforço a mais.
Nada termina até o momento em que se deixa de tentar.
Não tema admitir que não é perfeito.
Não tema enfrentar riscos. É correndo riscos que aprendemos a ser valentes.
Não exclua o amor de sua vida, dizendo que não se pode encontrá-lo. A melhor forma de receber amor é dá-lo. A forma mais rápida de ficar sem amor é apegar-se demasiado a si próprio. A melhor forma de manter o amor é dar-lhe asas.
Não corra tanto pela vida a ponto de esquecer onde esteve e para onde vai.
Não tenha medo de aprender. O conhecimento é leve. É um tesouro que se carrega facilmente.
Não use imprudentemente o tempo ou as palavras. Não se pode recuperar uma palavra dita.
A vida não é uma corrida, mas sim uma viagem, que deve ser desfrutada a cada passo.

Lembre-se: ontem é história. Amanhã é mistério e HOJE é uma dádiva. Por isso se chama "presente".

(Brian Dyson)

domingo, 1 de janeiro de 2012

Saudades....


"Vale a pena ler de novo"

Sinto saudades de tudo que marcou a minha vida.
Quando vejo retratos, quando sinto cheiros,
quando escuto uma voz, quando me lembro do passado,
eu sinto saudades...
Sinto saudades de amigos que nunca mais vi,
de pessoas com quem não mais falei ou cruzei...
Sinto saudades da minha infância,
do meu primeiro amor, do meu segundo, do terceiro,
do penúltimo e daqueles que ainda vou ter, se Deus quiser...
Sinto saudades do presente,
que não aproveitei de todo,
lembrando do passado
e apostando no futuro...
Sinto saudades do futuro,
que se idealizado,
provavelmente não será do jeito que eu penso que vai ser...
Sinto saudades de quem me deixou e de quem eu deixei!
De quem disse que viria
e nem apareceu;
de quem apareceu correndo,
sem me conhecer direito,
de quem nunca vou ter a oportunidade de conhecer.

Sinto saudades dos que se foram e de quem não me despedi direito!
Daqueles que não tiveram
como me dizer adeus;
de gente que passou na calçada contrária da minha vida
e que só enxerguei de vislumbre!

Sinto saudades de coisas que tive
e de outras que não tive
mas quis muito ter!
Sinto saudades de coisas
que nem sei se existiram.

Sinto saudades de coisas sérias,
de coisas hilariantes,
de casos, de experiências...

Sinto saudades do cachorrinho que eu tive um dia
e que me amava fielmente, como só os cães são capazes de fazer!

Sinto saudades dos livros que li e que me fizeram viajar!

Sinto saudades dos discos que ouvi e que me fizeram sonhar,

Sinto saudades das coisas que vivi
e das que deixei passar,
sem curtir na totalidade.

Quantas vezes tenho vontade de encontrar não sei o que...
não sei onde...
para resgatar alguma coisa que nem sei o que é e nem onde perdi...

Vejo o mundo girando e penso que poderia estar sentindo saudades
Em japonês, em russo,
em italiano, em inglês...
mas que minha saudade,
por eu ter nascido no Brasil,
só fala português, embora, lá no fundo, possa ser poliglota.

Aliás, dizem que costuma-se usar sempre a língua pátria,
espontaneamente quando
estamos desesperados...
para contar dinheiro... fazer amor...
declarar sentimentos fortes...
seja lá em que lugar do mundo estejamos.

Eu acredito que um simples
"I miss you"
ou seja lá
como possamos traduzir saudade em outra língua,
nunca terá a mesma força e significado da nossa palavrinha.

Talvez não exprima corretamente
a imensa falta
que sentimos de coisas
ou pessoas queridas.

E é por isso que eu tenho mais saudades...
Porque encontrei uma palavra
para usar todas as vezes
em que sinto este aperto no peito,
meio nostálgico, meio gostoso,
mas que funciona melhor
do que um sinal vital
quando se quer falar de vida
e de sentimentos.

Ela é a prova inequívoca
de que somos sensíveis!
De que amamos muito
o que tivemos
e lamentamos as coisas boas
que perdemos ao longo da nossa existência...
Clarice Lispector
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...